Fisk, Fisk. Inglês é Fisk

fiskfd.jpg
Robert Fisk, depois da entrevista exclusiva a Fudeus em Paraty.

Prosseguindo com posts de auto-promoção, aviso aos leitores de Fudeus que o sujeito que vos tecla estará amanhã na TV. Em nobre companhia. Fiz parta da banca que sabatinou dois monumentais jornalistas:
Lawrence Wright, colunista da New Yorker e autor do impressionante “O Vulto das Torres”, o mais sério e apurado livro sobre a formação do pensamento islâmico radical no século 20 e a trilha de décadas que deu no 11 de setembro.
E o meu ídolo master, Mr. Robert Fisk, o maior correspondente de guerra do mundo, dono de um texto só comparável à sua coragem. O cara, ainda aos 61 anos, cobre guerra do lado das vítimas. Reporta o barulho das bombas, o zunido das balas e aponta suas armas contra governos e mentirosos de qualquer idioma. Entrevistou Osama Bin Laden 3 vezes, pra se ter uma idéia do calibre do inglês.

No Roda Viva, que vai ao ar amanhã, sexta, dia 13, meia noite e meia, fiz duas perguntas apenas, deveras tímido, deveras gago. No dia seguinte, mais tranquilo, fiz mais 56 perguntas ao sujeito em uma entrevista exclusiva, assim como a foto acima, para Fudeus Existe (a para a Trip…).

Então, pra quem não gosta do Bush:
– amanhã Roda Viva, onde você saberá se mr. Fisk acredita em Deus.
– em agosto, neste blog e na revista Trip um entrevistão de Robert Fisk.

Uma resposta to “Fisk, Fisk. Inglês é Fisk”

  1. ju menz Says:

    gaguejou ao perguntar?
    câmeras também assustam jornalistas
    bom saber

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: